Publicidade

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Mais espaço = Saúde

Brasileiro só visa um lado e esquece do outro mais simples. É mais fácil fazer hospital ou investir na prática de atividade física? Em uma política de incentivo ao lazer para que a população tenha melhores condições de vida, menos uso de medicamentos e consequentemente menos hospitais lotados? Resposta simples, mas para o nosso País parece ser complicada.

O dinheiro gasto para a construção de  hospital é N vezes mais ao que poderia ser investido em uma política de saúde, simples e objetiva.A cada dia os carros ocupam os espaços dos pedestres. Dai a pergunta: A cidade foi construída para a população ou para os carros? Atualmente a população é espremida nas poucas calçadas, e diga-se de passagem além de serem estreitas são esburacadas e de difícil acesso para as pessoas com necessidades, idosos, crianças, dentre outros. Tudo isso faz com que a sociedade fique mais estressada, tenha menos condições ao lazer e traga malefícios a saúde.

Muitos falam não ter tempo para fazer atividade física, mas uma caminhada para o trabalho, para o supermercado, para casa de um amigo que mora a poucos metros de sua casa, irá trazer benefícios a sua saúde.

Vamos fazer o simples deixando o complexo para depois, exigindo que as cidades sejam efetivamente da população e não dos carros, que a nossa vida seja prazerosa.

Um abraço.
Reações:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 Comentários:

Postar um comentário