• Entrevista com a Professora Karlla Paiva

    Confira a entrevista que o EdfisicaAlagoas teve com a Professora Karlla Paiva

  • Movimento e Saúde

    Movimento e Saúde - (82) 9641-6440 / (82) 8889-2303 WhatsApp

  • Fale conosco

    Entre em contato para divulgar seu trabalho, sua marca e sugestões

  • OS MELHORES SUPLEMENTOS E NO MENOR PREÇO DO MERCADO - GLOBALNUTRI

    Confira...

domingo, 24 de maio de 2015

Independente de Atalaia, solicita sua colaboração.

O professor de Educação Física Ivanilson Santos Araujo, Licenciado e bacharel m Educação Física pela Faculdade Estácio de Alagoas, está desenvolvendo um projeto esportivo com as crianças, adolescentes e jovens de 10 a 17 anos que se encontram em risco de vulnerabilidade social da cidade de Atalaia-AL.


O objetivo é resgatar a cultura esportiva do município através do Independente.


O Independente foi um time fundado em 1960, que teve anos de glória na cidade de Atalaia, não apenas pelo seu futebol mostrado em campo, mas principalmente pelos inúmeros títulos municipais conquistados e por estar sempre disputando jogos de igual para igual, com equipes de expressão do futebol alagoano como: CSA, CRB, Murici, Coruripe, Ferroviário ( 1ª divisão do alagoano naquela época) dentre outros. Era dessa forma que o Independente atraia multidões para os campos e fazia a festa dos torcedores e desportistas atalaienses. O Independente como é conhecido até hoje, ficou marcado na história como um dos grandes times que já existiu na cidade de Atalaia, e pela repercussão em outras cidades do estado de Alagoas. Sendo assim, além de resgatar a história da Associação esportiva Independente, pretende-se desenvolver as potencialidades e habilidades  das crianças, adolescentes e jovens, não apenas do ponto de vista motor e fisiológico, mas principalmente desenvolver habilidades inter e intrapessoal, ou seja, desenvolver atividades de socialização, interação, participação, desenvolvendo alguns valores que são de grande importância para a formação humana.

A princípio estamos trabalhando apenas com as modalidades futebol e futsal, mas na verdade esse projeto servirá como porta de entrada para desenvolver outras modalidades esportivas, tais como: handebol, atletismo, voleibol, basquete. No entanto, temos enfrentado grande dificuldade no que diz respeito aos materiais necessários para desenvolver esse trabalho. Não temos a quantidade de materiais suficiente para atender a demanda de participantes do projeto, o que acaba de certa forma limitando o desenvolvimento das atividades do projeto em vários aspectos.


Seja um colaborador , vista essa camisa e faça a sua parte!





Esse projeto não pode parar. Precisamos da sua colaboração, colabore conosco, ofertando alguns desses materiais: bola de handebol, bola de futebol e futsal, basquete e vôlei.

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Por que existem pessoas que mesmo se exercitando continuam a ganhar peso?

Pessoas que fazem dietas e que se exercitam são mais propensas a explodir seu subsídio de calorias após uma sessão de ginástica. Com isso, elas costumam ver as atividades físicas como uma forma de justificar a compulsão em alimentos, segundo pesquisadores.
Pessoas que fazem dietas e que se exercitam são mais propensas a explodir seu subsídio de calorias após uma sessão de ginástica. Com isso, elas costumam ver as atividades físicas como uma forma de justificar a compulsão em alimentos, segundo pesquisadores.
Com base nisso, uma equipe de cientistas se propôs a responder a três questões fundamentais:
- A atividade física leva ao consumo de alimentos tanto para quem faz dieta quanto para quem não faz?
- Será que a ordem de atividade física e consumo de alimentos fazem a diferença na quantidade de comida ingerida?
- Existe uma maneira para as pessoas mudarem os padrões de atividade física e compensação alimentar?
Os estudiosos conduziram dois experimentos envolvendo 103 estudantes divididos em três grupos: os que comem após os exercícios, os que comem antes das atividades e os que não se exercitam.
No primeiro estudo, enquanto assistiam a um programa de TV por 40 minutos, os voluntários receberam cada um 120 g de batatas crocantes contendo 620 calorias e foram informados de que poderiam comer o quanto quisessem. Desses, que disseram pouco ter assistido enquanto comiam, consumiram cerca de 50 g de batatas crocantes, independentemente do exercício ou não.
Os que se identificaram como os que fazem dieta, no entanto, ingeriram uma média de 79 g de batatas crocantes quando eles souberam que estavam prestes a se exercitar em comparação aos 28 g quando eles não esperaram correr. Os que fazem dieta que comeram após a explosão de exercício consumiram cerca de 48 g.
A segunda experiência, com a participação de 298 alunos, analisou se as atitudes mudaram quando as atividades foram consideradas divertidas. Os pesquisadores notaram a mudança de foco, o que produziu resultados muito diferentes.
Os que fazem dietas que foram informados de que estavam praticando atividades para se divertir comeram significativamente menos do que aqueles que não fizeram nenhum exercício.
Estudos anteriores sugeriram que o auto-controle depende se os indivíduos podem “facilmente encontrar justificativas para violar regras de auto-controle”. Ainda de acordo com a pesquisa, as pessoas “são mais propensas a escolher alimentos altamente calóricos quando sentem progresso da perda de peso rápida”.
De acordo com a dra. Angela Chang, da Simmons College, em Boston, e o dr. Ying-Ching Lin, da Universidade Nacional de Chengchi, em Taiwan: “as pessoas devem ver o exercício como uma oportunidade para se divertir ou provocar um bem-estar de forma a ajudar a reduzir o consumo de alimentos”.

Fonte: Terra

sábado, 16 de maio de 2015

Duas atividades de Pique Bandeira para Educação Fisica Escolar


O jogo de "Pique-Bandeira", bastante tradicional na cultura popular, é uma atividade que contêm um grau de complexidade bastante interessante para a iniciação esportiva, principalmente por tratar de aspectos ataque-defesa sem que haja uma clara divisão desses momentos do jogo
O que o aluno poderá aprender com esta aula
Vivenciar o pique bandeira enquanto categoria de jogos e brincadeiras populares.
Por meio das regras e da criação de estratégias do jogo, reconhecê-lo como meio de transmissão de valores sociais, como: respeito, amizade, companheirismo e cooperação.
Conhecer novas possibilidades de brincar com o mesmo jogo, e ampliar a capacidade criativa de interpretação no jogo. 

Atividade 1
Em um primeiro momento procurar explicar de forma suscinta e de fácil entendimento, porque os homens da caverna lutavam pelo fogo, depois as lutas por alimento e por último as lutas por territórios.
Pergunta-los se conhecem o "pique bandeira", quais são suas regras e quais as formas de brincar, onde brincam?
Pique é uma brincadeira, é um jogo popular ou um jogo de rua? Seria o pique bandeira uma luta por território?
Os alunos são divididos em duas equipes com mesmo número de pessoas. Cada um fica com um lado da quadra ou espaço reservado para Educação Física. Na linha de fundo de cada lado é colocada uma bandeira (simbolizada por algum objeto portável). O objetivo é roubar a bandeira adversária e proteger a sua, atravessando o campo adversário e correndo sem ser pego (colado). Os jogadores presos no campo adversário só poderão serem libertados através do toque de um de seus companheiros de time.
Enquanto parte do time se dedica à conquista da bandeira do outro, o resto fica incumbido de proteger a sua própria bandeira, evitando que os adversários cheguem até ela, e de vigiar os presos (colados), para que seus colegas não os libertem (descolarem).
O jogo acaba quando um dos times conseguir trazer para seu campo a bandeira do adversário.
Atividade 2
No segundo momento, as crianças serão uniformizadas. E o pique terá uma modificação, a bandeira não será roubada do campo do adversário, mas sim levada até ele, como se fosse à tomada de um território. As outras regras continuarão inalteradas.
Atividade 3
Fazer o pique com duas bandeiras a serem resgatadas. Somente poderá resgatar uma bandeira de cada vez. Vence a equipe que primeiro resgatar suas duas bandeiras.
Avaliação
Avaliar com a turma aspectos relacionados às atividades vivenciadas, como:
Reconhecem o pique bandeira enquanto categoria dos jogos populares? É uma brincadeira ou é jogo na qual a estratégia é fundamental? Qual equipe melhor desenvolveu a estratégia? Porquê? Que outras habilidades são necessárias para se jogar bem o pique bandeira?
O professor deverá em uma conversa ao final da aula discutir se questões como respeito, amizade, companheirismo e cooperação foram aplicados ao jogo, e se realmente foram importantes no seu desenvolvimento, de modo a gerar planejamento para as estratégias de ataque e defesa.
Verificar junto a turma como a mudança dos objetivos introduzidos na variação do jogo trouxe mudanças nas estratégias.

Fonte: Educação Física Adaptada e Educação Especial

Batata doce: uma opção saborosa e saudável para incluir no cardápio

A batata doce possui um valor calórico maior que a batata “comum”, no entanto, ela auxilia na perda de peso porque aumenta a sensação de saciedade e fornece energia de forma equilibrada, sem elevar os níveis de glicose no sangue.

Quando o assunto é dieta e, mais especificamente perda de peso, a maioria das pessoas tem certo receio em consumir carboidratos. Porém, esse tipo de alimento é responsável por dar energia, por isso não devem ser eliminado da dieta (ao menos que esta seja uma orientação de um profissional como nutricionista ou nutrólogo).
Mas, a dica, para quem se preocupa com a saúde e boa forma, é investir em “carboidratos do bem”. E entre eles, nenhum se destaca mais do que a batata doce!
Muito famosa entre os atletas, o que pouca gente sabe é que esta batata não é indicada somente para quem se exercita, mas para todos, pois pode oferecer inúmeros benefícios à saúde – que vão além da boa forma.
Abaixo você confere quais benefícios a batata doce pode oferecer, como pode ser útil em um processo de emagrecimento e como ela pode/deve ser consumida.
Batata doce X Batata inglesa
Uma das dúvidas mais comuns entre as pessoas é: qual é a diferença entre a batata doce e a batata “normal” (inglesa)? Por que a batata doce é mais recomendada?
Talitta Maciel, do Espaço Reeducação Alimentar, explica que a batata doce possui um valor calórico maior que a batata “comum”, no entanto, ela auxilia na perda de peso. “Isso porque aumenta a sensação de saciedade e fornece energia de forma equilibrada, sem elevar os níveis de glicose no sangue”, diz.
Além disso, acrescenta a nutricionista, a batata doce possui mais fibras, mais potássio, e mais cálcio do que a batata inglesa.
“As características desse tubérculo também ajudam a controlar o colesterol ruim (LDL) e diabetes, além de auxiliarem no bom funcionamento intestinal”, diz Talitta.
Outra grande diferença entre a batata doce e a batata “comum” é o tipo de carboidrato, chamado amido resistente, conforme explica Talitta. “Esse amido, ao contrário do carboidrato normal, não é rapidamente absorvido pelo organismo. As enzimas do intestino delgado não conseguem digeri-lo, além disso, ele atrai moléculas de gordura e açúcar, assim, essas moléculas acabam sendo digeridas mais lentamente”, destaca.
5 vantagens de incluir a batata doce na dieta
Resumindo: não faltam bons motivos para incluir a batata doce na dieta. Abaixo você confere os principais:
Controle de diabetes
O consumo de batata doce, de acordo com Talitta, ajuda no controle de diabetes, pois ela possui baixo índice glicêmico.
Perda de peso
Talitta ressalta que a batata doce auxilia no emagrecimento, pois diminui o apetite e é rica em fibras. “Na quantidade adequada, pode ser uma aliada na perda de peso, isso porque é um carboidrato de baixo índice glicêmico – o que significa que é digerido de forma mais lenta e, assim, dá mais saciedade, auxiliando no controle do peso. Além disso, por liberar a glicose de forma gradual, evita que ela seja armazenada no corpo feito gordura”, diz.
Energia para praticantes de atividade física
Talitta explica que a batata doce é uma ótima opção para praticantes de atividade física. “Fornece muita energia sem provocar picos de glicose no sangue, aumenta a disposição durante a atividade, auxilia na queima de gordura e no ganho de massa muscular”, destaca.
Reforço para o sistema imunológico
Talitta destaca que a batata doce também fortalece o sistema imunológico, já que possui alta quantidade de vitamina A.
Versatilidade
A batata doce, além de ser deliciosa e agradar a maioria das pessoas, rende bons pratos saudáveis (tanto salgados quanto doces).
Vale ressaltar, porém, que deve ser sempre feita cozida. Nada de fritar a batata doce, pois o óleo já deixa a opção pouco saudável.
Quanto de batata doce é “permitido” consumir por dia?
Apesar de ser saudável, é claro, a batata doce não deve ser consumida em excesso. Talitta explica que a quantidade recomendada para consumo diário deve acompanhar as necessidades de 60% a 65% de carboidratos, em média, de uma rotina alimentar. “Porém, isso pode ser ajustado de acordo com o nível de atividade física da pessoa, peso, altura e objetivo”, diz.
A nutricionista acrescenta que cerca de 100 gramas de batata doce possui aproximadamente 100 calorias.
Agora você já tem algumas receitas e já conhece bons motivos para incluir a batata doce na sua dieta. Lembre-se que, embora saudável, ela não deve ser consumida em excesso!

Fonte: Cidade Verde

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Movimento e Saúde

Movimento e saúde surgiu com a finalidade de promover saúde, atuando da prevenção a reabilitação,  melhorando assim a qualidade de vida e bem estar. Oferecemos serviços como: fisioterapia, pilates, treinamento funcional, ginástica laboral funcional, massagem relaxante, entre outros. Atuamos em empresas, condominios e domiciliar. Ligue e agenda (82) 9641-6440 / (82) 8889-2303 WhatsApp

segunda-feira, 11 de maio de 2015

Loja Divina Senhorita


  • Localizada na Rua Engenheiro Roberto Gonçalves de Menezes,90A, Centro (Antiga rua da Praia); Uma rua antes da Loja Americanas da Praia da Avenida. Tel:(82)3022-6100
  • Cep: 57020-680 Maceió, Brazil

Na Divina Senhorita você encontra as melhores tendências da moda pelo melhor preço.

Facebook: Clique aqui
Instagram: Clique aqui

Postagens mais antigas → Página inicial